Não posso me amofinar

Imagem de José Barbosa da Silva

Poema de José Barbosa da Silva



Aos maus olhados
Isto não ligamos
Pois camarada
Facilmente tiramos

E para inveja
Temos uma figa
Feita na Bahia
Com o bom guiné de riga

Qua! Qua! Qua! Qua!
Tenho que explicar
Que a vida é curta
E eu não posso me amofinar



Fonte: "107 partituras de Sinhô", Instituto Piano Brasileiro, 2017.
Originalmente publicado em: Viúva Guerreiro & Comp., sem nº ch. 650, 1921-1922.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.