Amor sem dinheiro

Imagem de José Barbosa da Silva

Poema de José Barbosa da Silva



Amor! Amor!
Amor sem dinheiro, meu bem,
Não tem valor

Amor sem dinheiro
É fogo de palha
É casa sem dono
Que mora canalha

Amor sem dinheiro
É flor que murchô
São quadras sem rimas
Me leva que eu vou

Amor sem dinheiro
É cana sem caldo
É sapo no brejo
Que canta cansado



Fonte: "107 partituras de Sinhô", Instituto Piano Brasileiro, 2017.
Originalmente publicado em: Carlos Wehrs & Cia., nº ch. 1086, 1926.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.