Numa página

Imagem de Castro Alves

Poema de Castro Alves



Horas de tédio ou de amorosa esp'rança,
- Meteoros da vida!... errantes astros!. ..
Fugi!... porém que fique uma lembrança!
Passai!... deixando os perfumosos rastros!, 



Fonte: "Obras completas", Livraria Francisco Alves, 1921.
Originalmente publicado em: "Espumas flutuantes", Camillo de Lellis Masson & C., 1870.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.