Meu norte

Ilustração com a palavra 'Poesia'

Poema de Maria Rezende



O amor me deu um susto
o amor me deu um tapa
um soco doce
um sopro na asa
o amor me encheu de porrada

Me empurrou da bicicleta
me deu um caldo no mar
o amor me arranhou a cara
me acendeu
me engasgou
o amor me deixou em brasa

O amor
como um posseiro
me encheu de medo
me fez mais bela
me arfou o peito
me derreteu

Me deixou em carne viva
me pôs de cama
mudou meu rumo
me deu um norte
roubou meu chão

O amor me botou no colo
deu plural pros verbos
curou minha tosse
me encheu de sede
me tirou das ruas
o amor me deu a mão



Fonte: Coleção "Leve um Livro", 2015.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.